sexta-feira, 7 de maio de 2010

RECEITA CASEIRA


RECEITA CASEIRA

Querida amiga Amnésia, notei que você anda um tanto ressentida comigo devido a fofocas. Que bobagem! Nossa amizade é tão antiga, vem de antes de você casar com o senhor Dinheiro e ter essa penca de filhos... Suas crianças são lindas, se bem que um tanto sapecas. Sua filha Vaidade e seu filho bastardo Mediocridade, adoram provocar a “titia”, mas sei que é coisa de criança mimada e não levo a sério. Aproveito e mando um abraço a todos, em especial ao garoto Sabidinho e a menina Saudade que já deve estar uma mocinha.
Velha amiga, eu sei que quase não dispões de tempo ocioso, mas quero te presentear com uma receita caseira. É um prato simples e saboroso:- Frango caipira a moda da casa. Olhe lá! Não vá errar.
Primeiro limpe muito bem as mãos, mão limpa é fundamental, entendeu?Vá até o galinheiro e pegue um frango. Esqueça o galo velho Ary, ele se julga o dono do galinheiro e é cheio de truques. Isso mesmo pegue o frango Bobão, aquele que acredita em você desde pintinho... Não vá pegar o frangote Confiado, esse é bem capaz de dar uma esporada e você vai ficar refém de todo o galinheiro.
Pegou o Bobão? Muito bem... Engambele-o com muito amor, diga que você só quer o bem dele, que ele deve acreditar em suas boas intenções, que você é humilde, trabalhadora e leal. Caso ele não entenda suas palavras, não ligue é apenas um bicho para se tirar proveito.
Ele não acreditou em você? Não é possível que frango safado! Comece a chorar, diga que você é carente, que as pessoas pensam que você mudou, mas que não é verdade, que você é simples como uma rainha... Nada feito! Bem amiga... Manda esse galináceo imbecil por a asinha na mão de Deus e o problema estará resolvido.
Amnésia! A água já está fervendo... A faca está sobre a pia e chegou à hora de sacrificar o frango. O quê! Não tem coragem. Então chame seus filhos e mande fazer o serviço sujo em seu lugar. Ah! Sempre manda e sai mal feito. Cansei! Sabe de uma coisa? Solte o coitado do bicho, abra a porta do galinheiro, chame as raposas para tomarem conta e vá passear... Não se estresse amiga! A vida é breve e não esqueça de que tudo passa, mas a fama permanece. A receita fica para outra ocasião. Um abraço dessa velha amiga que muito te estima e acredita piamente em você.

Maria Zinha

(Gastão Ferreira)

Nenhum comentário: