sexta-feira, 18 de dezembro de 2009

O BONJE VOLTOU - 17/12/2009


O BONJE VOLTOU

Hoje retornei a minha cidade e estou me inteirando das novidades. Ela agora faz parte do patrimônio histórico brasileiro. De relance vi o novo monumento na praça da matriz, uma gracinha! Que bom gosto! Que arte! Que refinamento! Que caro! Qual gênio concebeu o trambolho? Desculpa! Quanta criatividade desperdiçada nessa obra prima da inventividade humana.
Quando da primeira vez que adentrei a cidade, isso há quase quatro séculos, uma multidão jubilosa recepcionou-me com cânticos, flores, ladainhas e num grande cortejo banharam-me na fonte que tem o meu nome. Hoje cheguei sorrateiramente anônimo num caminhão baú, tendo dois hereges como condutores, ninguém para me recepcionar. Que será que aconteceu com os foguetes? Não mereci nenhum fogo de artifício? Nem loas de boas vindas? Nadica de nada!
Quando querem me bajular frente a milhares de fiéis soltam rojões e se esgoelam de gritar meu nome, fazem discursos, brigam para carregar meu andor e em meu retorno nem um foguetinho desmilinguido! Começou bem essa nova etapa de meu relacionamento com os responsáveis pela cidade, pelos que dependem de mim como fonte de sustento, pelos que me veneram e dizem que me amam! Novos tempos... Novas atitudes... Novas prioridades!
Algo estranho está ocorrendo... Algo está mudando na alma e na mente desse povo! Fiquei meses fora daqui em recuperação e não recebi nenhuma visita. Volto saudoso na espera de uma bela e merecida recepção. Oh! Meu Pai. Sou necessário apenas na hora do aperto, na hora do sufoco, na hora do milagre. Vou aguardar! Tudo vem e tudo passa, mas Eu permaneço. Quem viver! Verá.

Obs.- O Bom Jesus é o grande fomentador do turismo religioso na cidade. Milhares de romeiros visitam anualmente seu santuário. Sua estátua milagrosa ficou 93 dias sendo recuperada fora do município e hoje em 17/12/2009 retornou a seu altar. Não houve aplausos, nem discursos, nem foguetes e foi assim que a cidade na qual é a maior fonte de renda o recepcionou.

Gastão Ferreira

Nenhum comentário: