quinta-feira, 5 de novembro de 2009

ANASTÁCIO MÃOS LIMPAS


ANASTÁCIO MÃOS LIMPAS

Nunca existiu uma pessoa tão honesta quanto Anastácio Mãos Limpas, desde petiz afirmavam:- Que criança toda amor! Qual será o seu destino?
Anastácio cresceu saudável, enquanto a garotada esgoelava gato ele cuidava dos filhotes abandonados. Caso jogasse água quente em cachorro vadio ele atirava água fria, enfim um santinho infantil e um completo babaquinha.
Nem tudo eram flores na vida dessa doce figura, o mundo é uma escola e ele mal passava de ano. Os coleguinhas o apelidaram de Anastácio o anta.
Na adolescência os hormônios falaram mais alto e ele começou a freqüentar a fonte do Senhor. Aquele cheiro de mato que qualquer craque sabe o que é. Aquela cola misturada a palavrões e permissividade chamava por novas experiências e ele foi fundo.
Anastácio conheceu o lado obscuro da cidade onde morava. Sabia dos locais secretos onde rolava o proibido e teve uma idéia genial, iniciou um diário secreto onde anotava tudo que ocorria, com nome, apelido, horário e endereço, testemunhas... E o tempo foi passando.
Aos vinte e poucos anos, Anastácio concorreu a um cargo eletivo... Conselheiro qualquer coisa e obteve uma expressiva votação. Todos comentavam:- Chegou o futuro! Anastácio mostra ao que veio.
Comprou carro, moto, sitio, mansão. Sua fortuna multiplicava-se e tornou-se um respeitável ricaço, e todos beijavam suas mãos limpas para obterem os mais variados favores.
Os invejosos não se conformavam:- Alguma coisa está errada! Como esse anta conseguiu vencer? Nessa história tem dente de coelho, jacaré, capivara. Sei lá!
Quando a Polícia Federal desarticulou as quadrilhas que infestavam há muito tempo todo o município, os chefões, chefes, chefinhos e chefetes fugiram. Anastácio foi detido e levado para a cidade grande, jamais voltou, seu nome constava da lista de propinas dos bandidos e o segredo estava no diário... Anastácio desde mocinho anotava o que via e a chantagem era o grande truque. Anastácio foi execrado e amaldiçoado... E o tempo passou.
Ontem foguetes e faixas anunciaram:- A cidade agradece a seu mais nobre e honrado filho a liberação da verba para a construção do albergue municipal. Senador Anastácio Mãos Limpas, nosso muito obrigado.

Moral da história:- História sem nenhuma moral.

Gastão Ferreira

Nenhum comentário: