quarta-feira, 7 de outubro de 2009

CARTA AO PAPAI NOEL


CARTA AO PAPAI NOEL

Papai Noel, sei que o natal ainda está longe, mas como o senhor é bem velinho, desculpe como o senhor é da melhor idade talvez esqueça meu pedido. Meu nome é Benedito, apelido Ditinho. Coloquei meu nome para o senhor não pensar que é uma carta anônima. Sabe, carta anônima é coisa feia, denigre reputações, destrói amizades e famílias. Não dá chance das pessoas atingidas se defenderem. Jamais vou escrever uma carta anônima, é um péssimo exemplo de cidadania.
Papai Noel, não quero fazer fofocas, mas na minha cidade a coisa ta feia.Temos mais de quarenta mendigos perturbando turistas e moradores. Tem gente que nem vai mais à praça para não ser importunado. Meu primo ficou sem ir à escola por alguns dias por falta de condução... Estou me sentindo inseguro.
Tem muitas coisas que eu gostaria de contar ao senhor, mas vou esperar sua visita, pois apesar de ser criança posso sofrer retaliações, tem algumas pessoas por aqui que se acham donas de tudo e não respeitam nem crianças nem velhos, e ofendem qualquer um em público. Cuidado, hem papai Noel!
Um aviso de quem gosta muito do senhor; - Prenda bem as suas renas, podem virar churrasco. Estacione em lugar seguro e não permita que desconhecidos tomem conta dos presentes, roubam de tudo... Não! O coreto não foi roubado... Depois eu conto como foi.
Meu pedido para o senhor é que traga um pouco de uma tal ESPERANÇA para todos nós, que o restante a gente da um jeito.Não vá fazer igual político, prometer,prometer e não cumprir. Só mesmo o senhor para dar um puxão de orelhas em quem merece.
Eu apesar de criança estou aprendendo a não confiar em ninguém, mas ainda ponho fé no senhor. Olhe la! Não vá me decepcionar. Um abraço e até o natal.

Ditinho

Gastão Ferreira

2 comentários:

Jorge Eventos disse...

Dispomos de um casting de Papai Noeis para sua festa de Natal. Contato: jorge.elenco@gmail.com

leonidas disse...

O que faz papai noel agora?
Depois do capitalismo,da divisao de poderes,da miseriabilidade,como anda o nosso querido velhinho