segunda-feira, 8 de dezembro de 2008

VAZIO


VAZIO

No teu corpo vou viajar
Ao teu querer me render
Aos desejos me entregar
No teu amor me estender

Iluminar-me na cantiga
Sentir vibrar a paixão...
Fazer de ti meu abrigo,
Fazer do abrigo canção.

Vou desnudar tua alma
Teus segredos descobrir
Transformar o fogo em água
Afogar-me em teu sorrir...

E acordar na madrugada
Num desespero vadio...
Pois tudo é sonho. Mais nada!
Nesse meu mundo vazio.

GASTÃO FERREIRA/IGUAPE/SP

Nenhum comentário: