terça-feira, 9 de dezembro de 2008

UM TEMPO


UM TEMPO

Tive um tempo de procuras
Era um tempo de canções...
Tive um tempo de loucuras
Era um tempo de paixões...

Tive um tempo de semear,
Tive um tempo de querer,
Tive um tempo de sonhar,
Tive um tempo de colher.

Era um tempo sem maldades
Era um tempo sem mentir...
Era um tempo sem saudades
Era um tempo de sorrir...

Foi-se o tempo de loucuras
Foi-se o tempo de querer...
Hoje é tempo de amarguras
Hoje é tempo de esquecer!

GASTÃO FERREIRA/IGUAPE/SP

Nenhum comentário: