segunda-feira, 8 de dezembro de 2008

SONHOS QUE PASSAM


SONHOS QUE SONHAM

Aquela estrela... Sou eu.
Aquela árvore meio torta
A sombra atrás da porta
Também sou eu... Sou eu!

E aquela longa estrada...
Que leva a tudo e a nada,
À luz, à treva, à escuridão,
Esse caminho é meu coração

Alguém morreu de mansinho
Sonhou meu sonho e reviveu
E nessa dança! Dança mundo!
Quem ri e chora? Sou eu!

Meu castelo, cabana solitária,
Tumba de amores. Ódios ferozes.
Estrela mundo... Estrada vária...
Sonhos que passam por nós...

GASTÃO FERREIRA/IGUAPE/SP

Nenhum comentário: