terça-feira, 9 de dezembro de 2008

SAUDADES DO RIBEIRA


SAUDADES DO RIBEIRA


LANÇANDO A REDE NO RIBEIRA DE IGUAPE
SINTO NO ROSTO QUENTE CHUVA DE VERÃO
LEMBRO O SORRISO DE MENINO CAIÇARA...
CRESCENDO LIVRE A MARGEM DO RIBEIRÃO.


SÃO TANTAS COISAS QUE GUARDO NA MEMÓRIA
É TANTA HISTÓRIA QUE TENHO PRÁ CONTAR...
O TEMPO PASSA APAGANDO VELHAS DORES...
MINHA CANOA!...SÓ EU SEI COMO REMAR...


EM CADA CURVA DO MEU RIO HABITAM SONHOS
EM CADA BRAÇO HÁ UM CAMINHO A ME CHAMAR
AS SUAS ÁGUAS NA LEMBRANÇA NUNCA MORREM
SEGUEM COMIGO PARA ONDE EU FOR MORAR...


NOUTRAS PARAGENS SUA IMAGEM VAI COMIGO
...ACARICIANDO O MEU PEITO PESCADOR...
NÃO SEI POR QUE QUANDO BATE O DESESPÊRO
SINTO SAUDADES DESSE RIO QUEE É MEU AMOR!


GASTÃO FERREIRA/IGUAPE/SP

Nenhum comentário: