terça-feira, 9 de dezembro de 2008

OUTRA VEZ


OUTRA VEZ – OUTRA VEZ

Vem viajar no meu corpo
Vem matar-me outra vez
Vem saciar meu desejo...
Outra vez, outra vez...

Vem ouvir ao meu lado
Essa estranha canção
Que agita o meu peito
Que me fere a razão

Nesse grande vazio
A esperar não sei quê
Vem zombar da saudade
Que se chama você...

Vem cegar os meus olhos
Navegar no meu rio...
Destruir os meus sonhos
Vem queimar meus navios

Vem quebrar esses laços
Libertar-me de ti...
Vem juntar meus pedaços
Eu morri... Eu morri...

Vem viajar no meu corpo
Vem matar-me de vez...
Vem saciar meu desejo
Outra vez... Outra vez

GASTÃO FERREIRA/IGUAPE/SP

Nenhum comentário: