terça-feira, 9 de dezembro de 2008

O SINO


M O N Ó L O G O 01

AUTOR: GASTÃO FERREIRA/IGUAPE

O SINO

OUÇAM!...OUÇAM TODOS!
O SINO ESTÁ A TOCAR...
E QUANDO ELE BADALA
ALGO ESTÁ A PASSAR...

FOI ASSIM QUANDO CASEI!
A IGREJA TODA ENFEITADA
E EU!...EU A NOIVA
BEM AMADA... E O SINO!...
O SINO A ANUNCIAR
FELICIDADE...

FELICIDADE
QUE BEM POUCO DUROU!
POIS A VIDA
PASSOU SOBRE MIM
FEITO UM TRATOR...

FUI TRAÍDA... MAGOADA...
MACHUCADA!...EU AMAVA
E AGUENTAVA CALADA
TODO O AMARGOR...

ATÉ QUE UM DIA EU MORRÍ!
...COMO MORRÍ?...NÃO SEI!
SÓ SEI QUE
QUANDO ACORDEI
NÃO ERA EU!...

ERA OUTRA... OUTRA MULHER
SEM MARIDO... SEM CASA... SEM AMOR!
SIM!...MEU AMOR FOI EMBORA...
ABANDONOU-ME!...E EU!...
COMO SEMPRE FIQUEI CALADA...





QUANDO OUÇO O SINO 02
EU RECORDO...
EU LEMBRO...
A MINHA VIUVÊZ!
E VEJO...
O QUE O MUNDO NÃO VÊ!

AQUELE CORPO NO CHÃO
ENSANGUENTADO...
COM UM PUNHAL CRAVADO
BEM NO CORAÇÃO!...
E VEJO TAMBÉM
SANGUE EM MINHAS MÃOS!

NÃO QUERO
A PIEDADE DE VOCÊS!
...POR FAVOR!...
RESPEITEM MINHA VIUVÊZ!

UM DIA FUI AMADA
CASEI DE VÉU
E DE GRINALDA...
SONHO DE UMA MOÇA
QUE FUI EU!...
MAS MEU SONHO!...
MEU SONHO MORREU!

AGORA!...QUERO DE NOVO
ME CASAR...
PROCURO ALGUÉM
QUE ME AME DE VERDADE
QUERO ENCONTRAR
A TAL FELICIDADE...

MAS O SINO!...
O SINO DÍZ QUE MATEI!...
MAS NÃO FUI EU!
FOI A OUTRA...
A QUE MORAVA EM MIM!...


EU SEMPRE FUI
UMA MOÇA RECATADA...
A QUE MATOU ERA MÁ!
ELA SABÍA QUE EU SOFRIA
COM TANTA TRAIÇÃO...
FOI SUA MÃO... NÃO A MINHA
QUE CRAVOU O PUNHAL!...




ELA VIVIA 03
A ME ESPREITAR...
CONHECIA MEU MEDO
ME INCENTIVAVA
A SE VINGAR...

MAS EU!...COITADA!
NEM POR UM MOMENTO
FARIA TAL COISA...
EU AMAVA!...
CASEI DE BRANCO
FRENTE AO ALTAR...
OUVINDO...
OUVINDO...
O SOM DO SINO
A TOCAR...
A TOCAR...
A TOCAR...



gastaoiguape@yahoo.com.br

Nenhum comentário: