terça-feira, 9 de dezembro de 2008

ESTRADA


ESTRADA

Da minha porta parte uma estrada
Onde termina... Não sei dizer.
Talvez em tudo!... Talvez em nada!
Onde me leva?...Como saber?

Caminho curto, longo ou deserto
Trilha sombria que espanta o sol...
Luzes que brilham na rota certa...
Mostrando ao longe um só farol.

Caminho reto, plano, perfeito...
Cortando matas, bosques em flor
Como saber?...Se não tem jeito,

Se nessa espera me invade a dor...
É minha vida!...Nasce em meu peito
Oh longa estrada!...Sou teu viajor!

GASTÃO FERREIRA/IGUAPE/SP

Nenhum comentário: